21 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioEconomiaFNE: Governo injetará R$ 36,6 bilhões em estados do Nordeste

FNE: Governo injetará R$ 36,6 bilhões em estados do Nordeste

A Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) e o Banco do Nordeste confirmou que o Governo Federal vai injetar R$ 36,6 bilhões em estados do Nordeste. A verba é do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) para o ano de 2024.

Essa alocação de recursos representa um incremento de 10% no financiamento destinado aos empreendimentos de portes prioritários, especialmente aqueles com faturamento de até R$ 16 milhões.

- Continua depois da publicidade -

Ao mesmo tempo, essa medida visa beneficiar, sobretudo, as micro e pequenas empresas, além de pequenos agricultores e empreendedores informais, que terão acesso a um crédito total de R$ 23,5 bilhões. Esse valor representa cerca de 62,2% dos recursos totais previstos para o FNE em 2024.

Como ficou a distribuição de recursos do FNE para 2024

  • Bahia: R$ 8,1 bilhões (21,5% do orçamento)
  • Ceará: R$ 4,7 bilhões (12,4%)
  • Pernambuco: R$ 4,5 bilhões (12,1%)
  • Maranhão: R$ 4 bilhões (10,7%)
  • Piauí: R$ 3,7 bilhões (9,95%)
  • Rio Grande do Norte: R$ 2,7 bilhões (7,2%)
  • Paraíba: R$ 2,6 bilhões (7,1%)
  • Minas Gerais: R$ 2,4 bilhões (6,5%)
  • Alagoas: R$ 2 bilhões (5,4%)
  • Sergipe: R$ 1,9 bilhões (5,3%)

    A construção de rodovias faz parte dos projetos contemplados pelo FNE.

FNE na vanguarda do desenvolvimento

De acordo com Heitor Freire, diretor de Gestão de Fundos e Incentivos Fiscais da Sudene, há um esforço concentrado para que os recursos sejam aplicados integralmente, visando à diversificação setorial e espacial. Além disso, ele destaca a importância do FNE para o desenvolvimento econômico e social da região, financiando desde grandes obras estruturantes até o setor produtivo.

LEIA TAMBÉM:
Ranking mundial aponta as melhores universidade do Nordeste
Estados do Nordeste se destacam em Ranking de equilíbrio fiscal
Nordeste é a região do Brasil que mais aumentou policiais; saiba mais
Descubra o Morro do Chapéu, um paraíso no Nordeste

Uma novidade para este ano é o incentivo às mulheres empreendedoras e aos empreendimentos com pelo menos 40% de participação feminina. Esses negócios terão prazos de até dois anos a mais do que os demais, além de carência de um ano, elevação do limite de financiamento e maior participação no capital de giro.

Em suma, o FNE é um importante instrumento para o desenvolvimento do Nordeste. Com condições de crédito mais favoráveis do que as oferecidas pelas instituições financeiras convencionais, o fundo financia investimentos de longo prazo. Dessa forma, ajuda os estados, sendo vital para impulsionar o crescimento econômico da região.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

Centro Histórico de Salvador têm programação de São João

Os festejos juninos no Centro Histórico da capital baiana 2024 reúnem uma programação variada com diversas atrações na Praça da Cruz Caída e Santo...