22 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioEntretenimentoMuseus no Nordeste guardam a cultura e história regional

Museus no Nordeste guardam a cultura e história regional

O Nordeste brasileiro, conhecido por sua rica cultura e história, abriga uma vasta gama de museus que refletem a diversidade e a herança de suas capitais. Cada cidade nordestina oferece uma experiência única para os visitantes, com museus que preservam e celebram a arte, a história, e as tradições locais.

Conheça os principais museus do Nordeste

mab museu de arte da bahia foto mateus brito
mab useu de arte da bahia foto mateus brito

Salvador – Bahia

Museu de Arte da Bahia Foto Mateus Brito
Museu de Arte da Bahia Foto Mateus Brito

Museu de Arte da Bahia (MAB): Situado no Corredor da Vitória, o MAB é o mais antigo museu de arte do estado, inaugurado em 1918. Seu acervo inclui obras de arte sacra, arte decorativa e mobiliário dos séculos XVIII e XIX, além de pinturas e esculturas de artistas baianos contemporâneos.

- Continua depois da publicidade -

Museu Afro-Brasileiro (MAFRO): Localizado no centro histórico de Salvador, o MAFRO está integrado à Universidade Federal da Bahia. O museu se dedica à preservação e divulgação da cultura africana e afro-brasileira, com uma vasta coleção de artefatos, obras de arte e documentos históricos.

Recife – Pernambuco

cais dos sertão foto divulgação
cais dos sertão foto divulgação

Museu  Cais do Sertão: O Museu Cais do Sertão, localizado em Recife, é um dos mais modernos e interativos museus do Brasil, dedicado a celebrar e preservar a cultura sertaneja. Inaugurado em 2014, o museu está situado no bairro do Recife Antigo, uma região histórica e revitalizada da capital pernambucana. O Cais do Sertão oferece uma imersão na vida e cultura do sertão nordestino através de exposições permanentes e temporárias. Suas exposições permanentes são divididas em diversos módulos temáticos, explorando aspectos como a música, a religiosidade, a literatura de cordel, o cangaço e o cotidiano sertanejo.

Instituto Ricardo Brennand: Situado em um complexo inspirado em castelos medievais, o Instituto abriga uma coleção impressionante de armas brancas, armaduras, tapeçarias e obras de arte, incluindo uma significativa coleção de pinturas de Frans Post, retratando o Brasil holandês.

Fortaleza – Ceará

Museu do Ceará: Localizado no centro de Fortaleza, o museu ocupa um prédio histórico e exibe uma coleção que inclui artefatos indígenas, documentos históricos, objetos de arte sacra e peças relacionadas à história política e social do Ceará.

teatro-dragao-do-mar foto reprodução
teatro-dragao-do-mar foto reprodução

Museu de Arte Contemporânea do Ceará (MAC-CE): Parte do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, o MAC-CE apresenta exposições temporárias e permanentes de arte contemporânea, destacando-se como um espaço de promoção e difusão das artes visuais no estado.

São Luís – Maranhão

Museu Histórico e Artístico do Maranhão (MHAM): Instalado em um casarão colonial do século XIX, o museu exibe uma rica coleção de artefatos históricos, incluindo mobiliário, porcelanas, pratarias e peças de arte sacra, retratando a vida cotidiana da aristocracia maranhense.

Museu Casa de Nhozinho: Dedicado ao artesanato maranhense, o museu homenageia o artesão Antônio Bruno Pinto Nogueira, conhecido como Nhozinho. O acervo inclui brinquedos populares, objetos de palha, cerâmica e madeira, mostrando a diversidade do artesanato local.

LEIA TAMBÉM:
Nordeste dispara a audiência com novela No Rancho Fundo
Nordeste terá réplica da capela das aparições de Fátima

Natal – Rio Grande do Norte

Museu Câmara Cascudo (MCC): Parte da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, o MCC é o maior museu do estado. Seu acervo abrange paleontologia, arqueologia, etnografia, além de coleções de cultura popular e arte sacra.

Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão: Localizado na antiga rodoviária de Natal, o museu celebra a cultura popular do Rio Grande do Norte, com exposições de folclore, artesanato, e manifestações culturais tradicionais, como o Boi de Reis e o Pastoril.

João Pessoa – Paraíba

Museu da Cidade de João Pessoa
Museu da Cidade de João Pessoa

Museu  da Cidade de João Pessoa: O Museu da Cidade de João Pessoa está localizado na Praça da Independência e é o lugar onde morou o então presidente da Paraíba, João Pessoa (1928-1930). O espaço preserva a história da cidade com um acervo frequentemente atualizado.

Museu José Lins do Rego: Dedicado à vida e obra do escritor paraibano José Lins do Rego, o museu está localizado na casa onde ele viveu. O acervo inclui manuscritos, fotografias, objetos pessoais e primeiras edições de suas obras.

Aracaju – Sergipe

Museu Palácio Olímpio Campos: Instalado em um antigo palácio do governo, o museu oferece uma visão abrangente da história política e cultural de Sergipe, com exposições de mobiliário, documentos históricos, e arte sacra.

Museu da Gente Sergipana: Um museu interativo dedicado à cultura e história do povo sergipano. O acervo inclui exposições sobre folclore, culinária, tradições e manifestações culturais do estado, utilizando tecnologia para proporcionar uma experiência envolvente aos visitantes.

Teresina – Piauí

Museu do Piauí (Palácio de Karnak): Localizado no antigo Palácio de Karnak, o museu apresenta uma coleção de artefatos arqueológicos, documentos históricos, e peças de arte sacra, além de exposições sobre a história e cultura do Piauí.

<yoastmark class=

Museu Don Avelar: O Museu Dom Avelar é uma atração recente na cidade, inaugurado em setembro de 2019. Este museu é a concretização de um sonho do Padre Pedro Maione, um italiano que veio para o Brasil e trabalhou muitos anos em Teresina. Em 1989, ele criou a Fundação Cultural Cristo Rei com o objetivo de promover a educação e a cultura. . O acervo do Museu Dom Avelar conta com mais de 21 mil peças, das quais 14 mil são moedas, muitas delas colecionadas pelo próprio padre, incluindo algumas com mais de dois mil anos.

Maceió – Alagoas

Museu Théo Brandão de Antropologia e Folclore: Parte da Universidade Federal de Alagoas, o museu é dedicado à cultura popular nordestina, com um acervo que inclui artefatos indígenas, folclóricos e peças de arte popular.

Museu Palácio Marechal Floriano Peixoto (MUPA): Instalado no antigo palácio do governo, o MUPA exibe uma coleção de mobiliário, objetos de arte, documentos históricos e fotografias, retratando a história política e social de Alagoas.

LEIA TAMBÉM:
Nordeste terá réplica da capela das aparições de Fátima
Já podemos falar de São João!
Produção de Hidrogênio Verde demandará nova infraestrutura no Nordeste

Em suma, os museus das capitais nordestinas não são apenas espaços de preservação histórica e cultural. Mas também centros de educação e inspiração. Além disso, eles oferecem aos visitantes uma oportunidade única de mergulhar na rica diversidade do Nordeste. Desse modo, celebrando suas tradições, artes e história. Seja através de exposições permanentes ou mostras temporárias, esses museus desempenham um papel crucial na promoção e valorização do patrimônio cultural brasileiro.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

CCJ do Senado aprova projeto de lei que libera cassino e bingo no país

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira (19), por 14 votos a 12, o relatório sobre um projeto de...