11 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioCotidianoNordestina de 119 anos pode ser a pessoa mais velha do mundo

Nordestina de 119 anos pode ser a pessoa mais velha do mundo

A pessoa viva mais velha do mundo pode estar no Nordeste. E na pequena cidade de Japoatã, em Sergipe. Isto porque ocorreu a descoberta de uma idosa de 119 anos na cidade. O fato ocorreu pelas mãos da professora Adriana Oliveira, que encabeça uma iniciativa educacional de conhecer os moradores da cidade para manter a memória do lugar.

Adriana, juntamente com a professora Thais Oliveira, lidera o “Projeto Memórias do Meu Lugar”. Este projeto visa resgatar a história do município através das memórias dos moradores, sendo realizado com a participação ativa dos alunos da Escola Municipal Profª. Eliete de Melo Guimarães.

- Continua depois da publicidade -

Os professores e alunos têm percorrido as ruas da cidade, entrevistando os moradores para documentar suas histórias e vivências. Foi durante uma dessas visitas, de forma quase acidental, que descobriram a existência de Maria José dos Santos.

“Na penúltima rua que visitamos, encontramos uma mulher lavando a calçada, a Dona Jael, de 72 anos. Explicamos sobre o projeto e ela gentilmente conversou conosco, contando histórias sobre a rua, as mudanças ao longo dos anos e os moradores. Quando perguntamos se havia alguém mais velho com quem pudéssemos conversar, ela nos contou que cuidava de sua sogra, que tinha 119 anos”, relata Adriana.

LEIA TAMBÉM:
Pernambuco recebe R$ 235 milhões em investimentos que vão gerar 2,8 mil empregos
Cinco coisas que tornam o Nordeste o ‘top’ do meio ambiente
Cidade do Nordeste surpreende em ranking de menor desperdício de água

A revelação sobre Maria José dos Santos é uma adição emocionante ao projeto. E já está enriquecendo o conhecimento histórico e cultural dos alunos e da comunidade. Se confirmada oficialmente, Maria José poderá se tornar a pessoa viva mais velha do mundo. Dessa forma, traz ainda mais destaque para a cidade de Japoatã e para o Projeto Memórias do Meu Lugar.

Em resumo, a história de Maria José dos Santos é um testemunho vivo do passado e um tesouro para o presente, conectando gerações e celebrando a rica tapeçaria de vidas que formam o município de Japoatã.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

São Luis recebe reunião de Economia Digital do G20

O ministro das Comunicações, Juscelino Filho, inicia nesta terça-feira (11), em São Luís (MA), a 3ª Reunião do Grupo de Trabalho de Economia Digital...