21 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioCotidianoRede Cuidar: Maranhão tem serviço de assistência a pessoas com sequelas da...

Rede Cuidar: Maranhão tem serviço de assistência a pessoas com sequelas da Covid-19

Com a Rede Cuidar, o Governo do Maranhão segue dando assistência a pacientes que tiveram a Covid-19 e que ficaram com alguma sequela da doença. Com três pontos instalados em São Luís, Santa Inês e Presidente Dutra, o serviço, que faz parte da rede da Secretaria de Estado da Saúde (SES), tem o objetivo de oferecer atendimento gratuito e com suporte em diversas especialidades médicas.

“Antes de mais nada, o serviço surgiu como uma estratégia do governo para dar assistência àquelas pessoas que desenvolveram complicações físicas ou neurológicas decorrentes da Covid-19. A nossa missão é cuidar das pessoas e temos nos esforçado para cumprir esse papel, com a expansão da rede e a implantação de programas e novos serviços que atendam à demanda da população, como os da Rede Cuidar”, disse o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

- Continua depois da publicidade -

Onde encontrar

Os serviços da Rede Cuidar são oferecidos no Hospital Dr. Carlos Macieira (HCM), em São Luís, e nas Policlínicas de Presidente Dutra e Santa Inês. Para atendimento, o paciente deve apresentar RG, Cartão do SUS, comprovante de residência e um encaminhamento pelo município ou unidade hospitalar que fez a internação ou primeiro atendimento.

No HCM, por exemplo, as consultas são feitas por uma equipe multiprofissional, nas especialidades de cardiologia, neurologia, pneumologia, endocrinologia e psiquiatria. No HCM os pacientes contam também com atendimento com nutricionista, fonoaudiólogo e fisioterapeuta. Dessa forma, o serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h, com agendamentos na recepção da unidade de saúde e via WhatsApp: (98) 99161-9028.

Em sua primeira consulta na Rede Cuidar, Regina Simone Martins Rabelo, de 46 anos, comentou que teve o diagnóstico da Covid-19 no ano passado. “Quando saí da internação fiquei mais de um mês sem conseguir andar, perdi movimentos. Hoje, eu fiz a consulta com clínico geral e vou seguir o tratamento. Já tenho aqui a requisição de todos os exames e o atendimento foi muito bom”, avaliou.

Quem também aprovou o serviço foi a técnica de segurança do trabalho Francisca Drielly Pereira Vieira, de 27 anos. “Passei a ter outros sintomas, como cansaço, queda de cabelo e problemas de ordem emocional. Eu descobri a Rede Cuidar por meio das redes sociais. O serviço é bem interessante. O acesso é fácil a especialidades diversas. É bom que a rede pública tenha mais serviços assim, porque a pandemia gerou muitas sequelas físicas emocionais a muita gente”, contou.

Descentralização

O serviço foi descentralizado para outros municípios. Na Policlínica de Presidente Dutra, o serviço funciona às segundas-feiras. O primeiro atendimento é feito por um clínico geral e, após identificada qual a necessidade médica, o paciente é direcionado para uma das especialidades disponíveis, como cardiologia, nefrologia, psicologia, ortopedia, pediatria, fisioterapia, nutrição, gastroenterologista e vascular.

Contudo, os maranhenses que residem em Santa Inês e região podem contar com o suporte de segunda a sexta-feira. A princípio, as especialidades de clínica geral, nefrologia, neurologia e cardiologia existem no local. Desde a sua implantação, em abril do ano passado, a Rede Cuidar já soma mais de 24 mil atendimentos realizados. Nos três pontos da Rede Cuidar, o atendimento ao público funciona das 8h às 12h e das 14h às 18h.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

Lula convoca reunião com governadores do Nordeste

Nesta quinta-feira (20), Fortaleza se torna o palco de um importante encontro político. O presidente Lula, está no Ceará para anunciar investimentos significativos nas...