19 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioEconomiaTransnordestina é a obra fundamental para integrar e desenvolver o Nordeste

Transnordestina é a obra fundamental para integrar e desenvolver o Nordeste

A Transnordestina é considerada a principal obra de integração dos estados do Nordeste, conforme o Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE), elaborado pela Sudene. Esta ferrovia tem o potencial de revitalizar a malha ferroviária da região e promover a interconexão de diferentes modais de transporte, fundamentais para o desenvolvimento socioeconômico regional.

Evento apresenta andamento da construção do trecho Eliseu Martins (PI) ao Porto de Pecém (CE)

 

- Continua depois da publicidade -

Danilo Cabral, superintendente da Sudene, destacou que a construção do trecho entre Eliseu Martins (PI) e o Porto de Pecém (CE) está em progresso, com recursos da Sudene através do FDNE. “O governo federal garantiu a execução da linha entre Salgueiro (PE) e o Complexo de Suape (PE). A partir dessa obra, vamos recuperar as linhas dos estados do Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Alagoas. Com essa malha reestruturada, daremos um salto na logística e na integração da região”, afirmou Cabral durante a retomada do evento Crea Convida, nesta terça-feira (21), na sede da Federação das Indústrias de Pernambuco, em Recife.

Durante sua apresentação, Cabral detalhou os eixos estratégicos do PRDNE e destacou que o avanço na infraestrutura é crucial para aumentar a competitividade dos estados nordestinos. “As ações previstas no Plano estão acordadas com os estados e complementadas pelos projetos do Novo PAC. Está previsto um grande volume de investimento público no Nordeste, que trará significativos avanços para a região”, destacou.

A integração logística intermodal possibilita o transporte de diversos tipos de carga a um custo competitivo para os portos dos estados, especialmente Pernambuco, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte. Isso favorece a exportação de produtos como grãos, gesso, frutas, combustíveis e minérios, que serão transportados pelo trecho cearense. “Ressaltamos que a Transnordestina, integrada aos demais modais, reduz a concorrência entre os estados, facilitando o transporte de vários tipos de produtos e impulsionando as atividades econômicas locais”, observou Cabral.

Ricardo Essinger, presidente da Fiepe e anfitrião do evento, afirmou que acompanha a obra desde 2008. “A discussão que estamos tendo hoje é importante, pois desejamos que a ferrovia tenha seu traçado original concluído”, declarou. Adriano Lucena, presidente do Crea-PE e organizador do debate, enfatizou que a obra é essencial para o Brasil, especialmente para o Nordeste e para Pernambuco.

“Nossa visão é o desenvolvimento do país. A Transnordestina, de 2006 até 2024, não é a que gostaríamos, mas não vamos desistir. Vamos unir forças, valorizar as instituições e lutar para que a ferrovia seja concluída em sua totalidade”, ressaltou Lucena.

LEIA TAMBÉM:
Férias de julho: Nordeste tem os 5 destinos mais buscados
´- Nordeste tem uma das maiores minas de Diamante do mundo
Nordeste tem passeios perfeitos nas férias de inverno; conheça

O evento reuniu empresários, acadêmicos, representantes da sociedade civil organizada, pesquisadores e integrantes de entidades de classe. Após a apresentação de Danilo Cabral, houve um debate sobre o andamento da obra e sua importância regional. O engenheiro civil Carlos Calado mediou o encontro, que contou com a participação do engenheiro civil e professor Maurício Pina e do engenheiro de produção e administrador Marcílio Cunha, também consultor em logística.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

Projeto vai preservar manuscritos de José Américo de Almeida

Documentos manuscritos do renomado escritor e ex-ministro José Américo de Almeida estão sendo digitalizados por uma equipe de pesquisadores da Fundação Casa de José...