05 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioEntretenimentoNordeste sedia Festival Internacional do Audiovisual Negro

Nordeste sedia Festival Internacional do Audiovisual Negro

No âmbito do Novembro Salvador Capital Afro, o Festival Internacional do Audiovisual Negro do Brasil (Fianb) estreia sua primeira edição em Salvador, a partir de terça-feira (21) até sábado (25), apresentando projeções cinematográficas e uma agenda intensa de painéis e mesas de debates com participantes de nações como Burkina Faso, Colômbia e Inglaterra. Sob o tema “Transatlanticidade”, inspirado no conceito formulado pela historiadora negra Maria Beatriz Nascimento, as atividades do festival, de acesso gratuito, desenrolar-se-ão no Cine Glauber Rocha, nos Polos Boca de Brasa e na sede do Instituto Odun.

O Fianb propõe promover diálogos e debates sobre identidade e produções audiovisuais negras, tanto do Brasil quanto do mundo, no contexto das diásporas afro-atlânticas. Iniciado pela Associação dos Profissionais do Audiovisual Negro (Apan), o festival, já em sua quarta edição em São Paulo, chega à capital baiana por meio de uma parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult). A programação completa pode ser consultada em https://www.fianb.com.br/.

- Continua depois da publicidade -

Milena Anjos, coordenadora de Audiovisual do SalCine, destaca a importância de Salvador sediar o Fianb como um espaço adicional para intercâmbio entre os realizadores negros da cidade. Ela ressalta o papel crucial dos festivais na indústria audiovisual, abrangendo desde o lançamento e divulgação de obras até a formação de público, exposição de novos talentos e networking. Receber o Fianb, que coloca em destaque o cinema produzido por pessoas negras, reforça o compromisso local com a construção de espaços que potencializem a diversidade no audiovisual soteropolitano.

Quanto ao tema deste ano, Tatiana Carvalho Costa, presidente da Apan, explica que foi escolhido como fonte de inspiração e homenagem à pesquisadora Maria Beatriz Nascimento, cujo trabalho e vida estão profundamente enraizados nas atividades da associação. O seminário internacional “Transatlanticidade”, que ocorrerá durante o festival, nos dias 22 e 23, no Cine Glauber Rocha, visa discutir a participação diaspórica no Festival Pan-Africana de Cinema e Televisão de Uagadugu (Fespaco). O evento contará com a presença de figuras como Alex Moussa Sawadogo, diretor do Fespaco, June Givanni, detentora de um dos maiores arquivos de cinema pan-africanista do mundo, e Salim Fayad, codiretor da Mostra Itinerante de Cinema Africano da Colômbia (Muica).

LEIA TAMBÉM:

Maior cidade do Nordeste fará investimento milionário em 690 ruas
VÍDEO: Por que o NORDESTE é a MECA do HIDROGENIO VERDE no mundo?
Réveillon no Nordeste! Como serão as principais festas de ano novo da região

Além disso, o Fianb terá uma programação abrangente de cinematografia negra, com mostras como “Transatlanticidade”, “Fespaco” e o “Festival Internacional Kilombinho”, este último dedicado a obras para o público infantojuvenil. Essas exibições ocuparão o Cine Glauber Rocha, o Polo Boca de Brasa do Subúrbio 360, em Coutos, e o Instituto Audiovisual Mulheres de Odun (iAMO), em Fazenda Grande IV. As sessões especiais propostas pelas Mostras “Transatlanticidade” e “Fespaco” apresentarão filmes alinhados às discussões propostas pelo festival, incluindo obras do catálogo nacional e representativas do Fespaco e do cinema colombiano, em colaboração com a Manos Visibles e a Escola Foco.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

Conheça a startup nordestina que ajuda a realizar cirurgias

A startup maranhense Syn Saúde está revolucionando o acesso a cirurgias eletivas no Brasil. Fundada em 2021 por Ana Lemos e Dener Zandonadi, a empresa atua como uma facilitadora, conectando hospitais,...