03 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioCidadesAracajuJungle Fight terá disputa feminina pela primeira vez em Sergipe

Jungle Fight terá disputa feminina pela primeira vez em Sergipe

O cenário do MMA feminino está em ascensão constante no universo das artes marciais mistas, com mulheres de todo o mundo demonstrando sua força, destreza e determinação dentro do octógono. Essas combatentes são verdadeiras fontes de inspiração para mulheres de todas as idades, evidenciando que não existem limites para as conquistas femininas. Munidas de intenso treinamento e um condicionamento físico exemplar, elas encaram desafios e oponentes com bravura, sem receio de adentrar na arena e exibir seu potencial, superando obstáculos e batalhando com fervor até o último instante.

Jungle Fight foto Arthuro Paganini 2
Jungle Fight foto Arthuro Paganini

“Ser mãe e campeã não é uma tarefa simples”

No próximo sábado, 16, Maria Isabel entrará em ação representando Sergipe no Jungle Fight, na categoria peso palha. Aos 30 anos, a lutadora, natural da Paraíba, mas com coração sergipano, iniciou sua jornada nos treinos em 2012, sempre almejando competir, e já ostenta dois títulos em sua trajetória, sendo campeã do Maceió Fight e do Crajubar Fight.

- Continua depois da publicidade -

Sua rotina é meticulosamente dividida entre os quatro treinamentos diários, uma alimentação exigente que demanda esforço e disciplina, além de seus três filhos, sua grande fonte de inspiração e incentivo para a luta. “Ser mãe e campeã não é uma tarefa simples. Nós, lutadoras e mães, enfrentamos o desafio de equilibrar nossa carreira com a responsabilidade de cuidar dos filhos. A maternidade exige um comprometimento de tempo, energia e recursos emocionais, tornando a vida de uma lutadora profissional ainda mais desafiadora. Viagens, competições, recuperação física após as lutas, são inúmeros os desafios”, destaca Isabel.

foto Ascom Seel
foto Ascom Seel

Apesar dos desafios tanto dentro quanto fora do octógono, Maria Isabel ressalta o quão gratificante é receber o apoio do público. A lutadora também expressa seu desejo ardente de conquistar a vitória no Jungle. “Sergipe me abraçou e eu quero muito retribuir esse apoio ao estado. Desejo incentivar outras mulheres a perseguirem seus sonhos, acreditarem em si mesmas e representarem o MMA em Sergipe”, declara a combatente.

LEIA TAMBÉM:
Ovo de Páscoa nordestino conquista a internet
Aeroporto Internacional de João Pessoa inaugura ampliação
Nordeste é destaque em ranking de capacidade financeira
Governo Federal vai ajudar oito cidades do Nordeste; entenda

A secretária de Esporte e Lazer e praticante de karatê, Mariana Dantas, ressalta a importância do protagonismo feminino nas artes marciais e deseja boa sorte a Maria Isabel. “É emocionante ver uma mulher nesta edição, defendendo a bandeira de Sergipe. É fundamental ocuparmos cada vez mais esse espaço. Vamos todos assistir e torcer por ela, será um momento mágico”, destaca a secretária.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

Capital no Nordeste lança plano para ter 700 km de ciclovias

Uma capital no Nordeste deu um grande passo em direção a uma mobilidade mais sustentável e inclusiva. Isso porque o prefeito de Salvador, Bruno...