03 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioEconomiaNordeste abriu 334 mil empresas em 2023; veja ranking

Nordeste abriu 334 mil empresas em 2023; veja ranking

Um ranking divulgado pelo Indicador de Nascimento de Empresas da Serasa Experian na última segunda-feira (16), indica que o Brasil abriu 2.117.073 negócios em todo o território nacional nos primeiros seis meses de 2023, o que representa uma média de 12 novos empreendimentos por minuto. Somente a  região Nordeste se destacou como uma das mais dinâmicas na criação de empresas, sendo responsável por 334.580 novas unidades produtivas nesse período.

Esse número demonstra que o país vive um momento de forte empreendedorismo, impulsionado pela necessidade de geração de renda e pela oportunidade de explorar novos mercados.

- Continua depois da publicidade -

Qual o ranking dos estados que mais abriram empresas no Nordeste?

A Bahia foi o estado líder no número de aberturas, com 93,3 mil negócios, seguida por Ceará (58,9 mil) e Pernambuco (57,6 mil). Esses três estados juntos representam 62,8% do total de empresas criadas na região.

Entre os segmentos que mais registraram aberturas no semestre, o de “Serviços de Alimentação” foi o que mais se sobressaiu, totalizando 140.808 novos empreendimentos, com representatividade de 6,6% do total nacional e a média de 1.136 registros por dia útil. Esse segmento engloba atividades como bares, restaurantes, lanchonetes e food trucks, que têm se mostrado como uma alternativa viável para muitos brasileiros que buscam uma fonte de renda ou uma forma de complementar o orçamento familiar.

A micro empresas estão cada vez mais presentes no setor de serviços.

O vice-presidente de Pequenas e Médias Empresas da Serasa Experian, Cleber Genero, ressalta que

“a criação de empreendimentos nos setores que mais cresceram mostra que a tendência de ‘Serviços’ ganhar o protagonismo deve continuar, principalmente, pelo baixo investimento necessário e velocidade do retorno, que pode ser mais rápido, especialmente na área da alimentação”.

LEIA TAMBEM:

Nordeste vai ganhar o primeiro hotel seis estrelas
2023 ainda terá mais três feriados, sendo dois feriadões
Estado do Nordeste terá projeto de Hidrogênio Verde mais ambicioso do mundo
Ceará é o segundo estado que mais exporta calçados no Brasil

Na visão por natureza jurídica, os “Microempreendedores Individuais” (MEIs) lideraram a participação com maior número de empreendimentos abertos no semestre (77,0%), seguido por “Sociedades Limitadas” (18,3%). O ranking segue com “Empresa Individual” (2,6%) e “Demais” (2,1%). Os MEIs são aqueles que trabalham por conta própria e faturam até R$ 81 mil por ano. Eles têm direito a benefícios previdenciários como aposentadoria, auxílio-doença e salário-maternidade.

O ranking da Serasa Experian mostra que o Brasil está se reinventando diante dos desafios impostos pela crise econômica e sanitária. O empreendedorismo é uma forma de gerar emprego, renda e desenvolvimento para o país, além de contribuir para a melhoria da qualidade de vida da população.

EstadoNúmero de empresas abertas no primeiro semestre de 2023
Bahia93.388
Ceará58.903
Pernambuco57.638
Maranhão27.555
Paraíba26.834
Rio Grande do Norte22.328
Alagoas19.114
Piauí16.134
Sergipe12.686

Essa tabela mostra o ranking por estado do Nordeste no número de empresas abertas no primeiro semestre de 2023, segundo o Indicador de Nascimento de Empresas da Serasa Experian. A Bahia foi o estado que mais criou negócios na região, seguida pelo Ceará e Pernambuco.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

Capital no Nordeste lança plano para ter 700 km de ciclovias

Uma capital no Nordeste deu um grande passo em direção a uma mobilidade mais sustentável e inclusiva. Isso porque o prefeito de Salvador, Bruno...