logo

Precisamos festejar a volta do São João (com cuidado)

Precisamos festejar a volta do São João (com cuidado)

 

Cultura, Turismo, Entretenimento, Economia. Geração de emprego e renda. Diversão. Desopilar momentaneamente dos problemas da vida. Brindar um novo momento da nossa existência ao lado de pais, filhos, familiares e amigos. Tudo isso com muita cautela e cuidado. Afinal de contas ainda enfrentamos os desafios de uma pandemia.

Contudo, a volta da festa de São João traz consigo uma infinidade de sentimentos e perspectivas. E nosso Nordeste comemora os inúmeros festejos que estão rolando em toda a região. São milhares de pessoas que estão tendo uma renda extra com a festa. As cadeias produtivas da cultura e do turismo, que andavam tão desanimadas por conta das circunstâncias pandêmicas, voltaram a se oxigenar e vão ter seu primeiro momento de ultrapassar as sequelas dos últimos anos neste mês de junho.

Uma festa bastante celebrada no Nordeste, o São João vai muito além do forró, da fogueira e comidas típicas. Envolve viagens, encontros, calor humano e muita diversão. Todo o que o povo nordestino, brasileiro e mundial ficou impedido de fazer nestes últimos dois anos.

Transpor esse momento, com todo mundo vacinado e ciente que ainda precisamos ter cuidados mesmo com a retomada dos eventos, vai simbolizar um outro momento, ainda que cientes que vivemos em um mundo de constantes mudanças e reinvenção até do mundo do entretenimento teve de existir para a volta dos festejos juninos.

Afinal de contas, se aprendemos algo neste período em que estivemos impossibilitados de fazer tanta coisa é a celebrar cada momento festivo por menor que seja. E a volta do São João é uma grandiosidade para o nosso Nordeste.

Compartilhar:




Comentários:

Colunistas