21 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioEconomiaRetomada das obras da Transnordestina em Pernambuco pode sair esse ano

Retomada das obras da Transnordestina em Pernambuco pode sair esse ano

A visita do Presidente Lula e do ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho a Pernambuco reacendeu outro assunto importante para o estado: A Transnordestina.

No evento em Suape ontem, o ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, e a governadora Raquel Lyra anunciaram que até setembro de 2024,  a ordem de serviço será assinada, e a retomada das obras do trecho em Pernambuco serão retomadas. O ramal da ferrovia no estado, vai de Salgueiro, no sertão, ao Porto de Suape, com um total de 548 quilômetros.

- Continua depois da publicidade -

Os trabalhos de implementação do trecho Salgueiro-Suape da Transnordestina tiveram início em 2006, durante o primeiro mandato do governo de Lula, sendo interrompidos em 2016 devido à crise financeira que impactou as contas públicas no segundo mandato de Dilma Rousseff.

Evento em Suape Foto: Ricardo Stuckert (Presidência)

Raquel Lyra reiterou a posição do Governo de Pernambuco a favor da conclusão integral do projeto da ferrovia, que visa conectar os portos de Pecém (CE) e Suape. Ela enfatizou a integração entre Eliseu Martins no Piauí, o Porto de Pecém no Ceará e o Porto de Suape.

A governadora ressaltou que há uma previsão de R$ 450 milhões no orçamento federal para o reinício das obras, representando menos de 10% do custo total estimado para a construção do trecho em Pernambuco.

LEIA TAMBÉM:
Estudante cria remédio contra dermatite com cacto do Nordeste
Quais os melhores cursos das UFs do Nordeste para concorrer no Sisu?
Petrobras vai dobrar refino em Abreu e Lima
PAC vai levar Metrô de Salvador até o Campo Grande

Atualmente, um grupo de trabalho está em diálogo frequente com o Ministério dos Transportes, liderado por Renan Filho, visando retomar a obra com a meta de lançar o edital até junho. A expectativa é que a execução da obra ocorra no segundo semestre.

Foto: TLSA

Apesar da incerteza sobre o financiamento total para o ramal, Raquel expressa otimismo, mencionando que a obra total está orçada em R$ 5 bilhões. Ela destaca a confiança de que, uma vez iniciada, a obra ganhará impulso.

A governadora levanta a possibilidade de resolver a questão financeira do projeto por meio de Parcerias Público-Privadas (PPPs), mencionando o interesse de empresários em investir através desse modelo de colaboração.

LEIA TAMBÉM:
Nordeste tem alerta de chuvas em 417 cidades de oito estados
Nordeste tem um dos destinos mais buscados por latinos
Neurocientista Nordestina é destaque da Revista Forbes

Por que a transnordestina é um projeto tão importante para pernambuco?

Desenvolvimento Econômico:A Transnordestina é crucial para impulsionar o desenvolvimento econômico de Pernambuco, proporcionando uma infraestrutura ferroviária eficiente para o transporte de mercadorias. Isso facilita a movimentação de matérias-primas, produtos manufaturados e insumos, estimulando setores-chave da economia.

 

Integração Regional:A ferrovia busca integrar de maneira mais eficaz as regiões nordestinas, conectando Pernambuco a outros estados do Nordeste. Isso contribui para a criação de uma rede logística robusta, promovendo o intercâmbio comercial e o crescimento conjunto entre os estados da região.

 

Redução do Custo Logístico:Com uma ferrovia moderna, Pernambuco se beneficia da redução dos custos logísticos associados ao transporte de mercadorias. O modal ferroviário é geralmente mais eficiente em termos de custo para grandes volumes de carga, o que pode impactar positivamente a competitividade dos produtos pernambucanos no mercado nacional e internacional.

 

Estímulo ao Setor Industrial:A Transnordestina pode impulsionar o desenvolvimento do setor industrial em Pernambuco, permitindo o transporte mais eficiente de insumos industriais e produtos acabados. Isso cria condições favoráveis para a instalação de novas indústrias e a expansão das existentes, gerando empregos e promovendo a diversificação econômica.

 

Acesso a Portos:A conexão da ferrovia com os portos da região, como o Porto de Suape, facilita o escoamento de mercadorias para exportação. Isso fortalece a posição de Pernambuco como um hub logístico estratégico e melhora a competitividade no comércio internacional.

 

Redução do Tráfego Rodoviário:Ao transportar grandes volumes de carga por meio ferroviário, a Transnordestina contribui para a redução do tráfego rodoviário, aliviando congestionamentos, minimizando o desgaste das estradas e melhorando a segurança viária.

 

Desenvolvimento Sustentável:O investimento em infraestrutura ferroviária alinha-se a princípios de desenvolvimento sustentável, oferecendo uma alternativa mais eficiente e ambientalmente amigável em comparação ao transporte exclusivo por rodovias.

 

Estímulo ao Agronegócio:A Transnordestina facilita o transporte de produtos agrícolas, beneficiando o agronegócio em Pernambuco. O escoamento eficiente da produção agrícola para os centros de consumo ou para exportação é vital para o crescimento sustentável do setor.

 

Atração de Investimentos: 

A presença de uma infraestrutura ferroviária moderna torna Pernambuco mais atrativo para investidores, pois oferece condições logísticas favoráveis para operações industriais, comerciais e logísticas.

 

Resiliência Logística:A diversificação dos modais de transporte, com a inclusão da ferrovia, contribui para a resiliência do sistema logístico pernambucano. Isso reduz a dependência exclusiva das rodovias e fortalece a infraestrutura de transporte de maneira mais ampla.

 

 

REDAÇÃO com Assessoria

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

Centro Histórico de Salvador têm programação de São João

Os festejos juninos no Centro Histórico da capital baiana 2024 reúnem uma programação variada com diversas atrações na Praça da Cruz Caída e Santo...