03 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioCidadesSalvadorTrade Turístico faz projeções positivas para dezembro e fevereiro em Salvador

Trade Turístico faz projeções positivas para dezembro e fevereiro em Salvador

Os números do primeiro semestre de 2023 já superaram os registros do ano anterior em 5%

O setor turístico de Salvador está otimista em relação às expectativas para 2024, especialmente no período de dezembro a fevereiro, caracterizado como alta estação na capital baiana. As previsões indicam uma média de ocupação hoteleira de até 90%, com picos atingindo 100% durante eventos de grande porte, como o Réveillon e o Carnaval. A Associação Brasileira da Indústria de Hotéis da Bahia (ABIH-BA) aponta essas projeções, enquanto a Federação Baiana de Hospedagem e Alimentação (FeBHA) estima uma média de 85%, também com picos de 100%.

Novo-Letreiro-Salvador_Foto_Jefferson-Peixoto_Secom_Pms

Luciano Lopes, presidente da ABIH-BA, destaca que o crescimento na ocupação já é evidente ao longo de 2023. Durante janeiro a outubro desse ano, os hotéis de Salvador registraram uma taxa de ocupação de 60%, em comparação com os 55% do mesmo período no ano anterior, representando um aumento de cinco pontos percentuais.

- Continua depois da publicidade -

A Prefeitura de Salvador tem contribuído para esse cenário positivo, investindo na manutenção da cidade e na criação de novos atrativos culturais e históricos. Esses investimentos impulsionam o número de visitantes, movimentando a economia local e gerando empregos em diversos setores.

Gegê Magalhães, diretor de Turismo da Secretaria Municipal de Cultura de Salvador (Secult), destaca que os números do primeiro semestre de 2023 já superaram os registros do ano anterior em 5%. O segundo semestre continuou quebrando recordes históricos na ocupação hoteleira da cidade.

O avanço da tecnologia e a popularidade de plataformas como Airbnb e booking.com têm impactado o setor hoteleiro. A demanda por aluguéis temporários e aquisição de apartamentos para esse fim estão aquecendo o mercado, especialmente em bairros como Barra, Pituba, Patamares e Avenida Contorno.

Apesar da concorrência, a expectativa é de crescimento em novembro, impulsionado pelo Salvador Capital Afro, que tem gerado finais de semana com ocupações acima de 85%. Para os próximos três meses, considerados os mais fortes para o setor hoteleiro, a perspectiva é otimista, com projeções de quebra de recordes não só do ano anterior, mas dos últimos 10 anos, impulsionadas por eventos como o Festival Virada e o Carnaval.

Luciano Lopes destaca o papel fundamental do trabalho de comunicação do destino Salvador, incluindo iniciativas como o Road Show realizado em parceria com a Prefeitura. Ele ressalta a diversidade e as múltiplas opções que a cidade oferece aos turistas, desde gastronomia e turismo religioso até praias e eventos culturais.

LEIA TAMBÉM:
Maior cidade do Nordeste fará investimento milionário em 690 ruas
VÍDEO: Por que o NORDESTE é a MECA do HIDROGENIO VERDE no mundo?
Réveillon no Nordeste! Como serão as principais festas de ano novo da região

Silvio Pessoa, presidente da FeBHA, analisa os dados de ocupação em outubro, indicando uma média de 76% nos hotéis participantes da pesquisa. Ele compara esses números com 2019, antes da pandemia, quando a ocupação média era de 70%. Apesar do aumento, Pessoa destaca a preocupação com os preços das passagens aéreas, que subiram 37% em dois meses. No entanto, eventos como o Réveillon e o Carnaval devem garantir boas taxas de ocupação.

Socorro Alcoforado, gerente comercial do Catussaba Hotéis & Resorts, expressa satisfação com os resultados de 2023, especialmente no segundo semestre. As expectativas para 2024 são positivas, com projeções de ampliação dos números, impulsionadas pelas festas do verão e pelo singular Carnaval da cidade.

visao-geral-do-museu-bahia-nautico-em-salvdor-brasil-sob-ceu-azul-nublado
visao-geral-do-museu-bahia-nautico-em-salvdor-

Projeções gerais do Trade Turístico para início de 2024 em Salvador:

Associação Brasileira da Indústria de Hotéis da Bahia (ABIH-BA):

  • Média de ocupação hoteleira: até 90%
  • Picos de ocupação esperados: 100% durante o Réveillon e Carnaval

Federação Baiana de Hospedagem e Alimentação (FeBHA):

  • Projeção de média de ocupação: 85%
  • Picos de ocupação esperados: 100% durante grandes eventos

Desempenho Hoteleiro em 2023:

  • Taxa de ocupação de hotéis de Salvador de janeiro a outubro: 60%
  • Crescimento de 5 pontos percentuais em comparação com o mesmo período de 2022

Investimentos e Resultados na Infraestrutura de Salvador:

  • Investimentos da Prefeitura em manutenção e criação de novos equipamentos e produtos turísticos
  • Incremento no fluxo de turistas contribuindo para a economia local, geração de empregos e renda

Tendências e Desafios:

  • Avanço da tecnologia de aplicativos influenciando o mercado de aluguéis via Airbnb, booking.com, etc.
  • Crescimento da demanda por aluguéis de temporada e aquisição de apartamentos em áreas como Barra, Pituba, Patamares e Avenida Contorno
  • Concorrência entre setor hoteleiro e aluguéis temporários, impactando a ocupação, mesmo com picos acima de 85%

Perspectivas para os Próximos Meses:

  • Otimismo para os próximos três meses, considerados os mais fortes para o setor hoteleiro
  • Projeção de recordes nos níveis de ocupação, superando os últimos 10 anos
  • Ações municipais, como o Festival Virada e eventos festivos, impulsionando o turismo em Salvador

Incentivos e Comunicação:

  • Forte trabalho de comunicação do destino Salvador, incluindo Road Show em parceria com a Prefeitura
  • Destaque para a diversidade de opções turísticas na cidade: gastronomia, turismo religioso, praias, Baía de Todos os Santos, shows, eventos, etc.

Desempenho de Outubro de 2023:

  • Ocupação média em outubro: 76%
  • Diária média em outubro: R$ 360
  • Dos 13 hotéis na pesquisa, 6 registraram ocupação acima de 80%

LEIA TAMBÉM:
A disputa centenária que pode mudar o mapa do Nordeste
Amazon anuncia parque eólico no Nordeste; saiba onde
OLHA O FERIADO! Saiba quais e quantos dias você terá em 2024
Capital do Nordeste pode mudar de nome em breve
Nordeste lidera novas rotas com 62 voos só na alta temporada

Previsões para a Alta Estação:

  • Expectativa de boa ocupação para novembro, com o Salvador Capital Afro impulsionando ocupações acima de 85%
  • Previsão de alta ocupação durante a alta estação, com média de 85% e picos de 100% nas grandes datas

Depoimentos e Reflexões do Setor:

  • Presidente da FeBHA, Silvio Pessoa, destaca a evolução nos resultados e as boas expectativas para a alta estação e eventos futuros
  • Gerente Comercial do Catussaba Hotéis & Resorts, Socorro Alcoforado, expressa satisfação com os resultados de 2023, especialmente no segundo semestre, e mantém otimismo para 2024.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

Capital no Nordeste lança plano para ter 700 km de ciclovias

Uma capital no Nordeste deu um grande passo em direção a uma mobilidade mais sustentável e inclusiva. Isso porque o prefeito de Salvador, Bruno...