03 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioCotidianoCinco maneiras de celebrar o Natal do jeito nordestino

Cinco maneiras de celebrar o Natal do jeito nordestino

O Natal é uma das festas mais esperadas do ano, mas nem todo mundo celebra da mesma forma. No Nordeste, a cultura e a tradição se misturam com a religiosidade e a criatividade para criar um natal único e cheio de sabor. Se você quer conhecer algumas maneiras de comemorar o natal de maneira bem nordestina, confira as dicas a seguir:

1. Preparar uma ceia típica

Não pode faltar comida na mesa do nordestino, ainda mais no natal. A ceia típica inclui pratos como o peru, o pernil, o arroz de leite, a farofa, o cuscuz, a macaxeira, o baião de dois, o vinagrete e o salpicão. Ainda há quem faça uma boa carne de sol para acompanhar a ceia. Para a sobremesa, há opções como o bolo de rolo, o pudim de leite, a cartola, a rapadura, o pé de moleque e o quebra-queixo.

- Continua depois da publicidade -

2. Montar um presépio em família

O presépio é um dos símbolos do natal, que representa o nascimento de Jesus. No Nordeste, muitas pessoas levam a tradição e passa para os filhos esse momento. Há quem guarde a sete chaves os personagens do presépio somente para este momento. Outros nordestinos preferem a inovação e montam seus próprios presépios usando materiais orgânicos e recicláveis. O importante é que os presépios são verdadeiras obras de arte, que retratam a vida do sertanejo, com seus animais, suas casas, suas plantas e seus costumes.

LEIA TAMBÉM:
Cidade do Nordeste tem lançamento de carro voador
Globo vai gravar sua próxima novela no interior do Nordeste
Nordeste tem 4 destinos entre os mais buscados no fim de ano

3. Assistir a um culto ou a missa do galo

Ir agradecer a Deus também é tradição no Nordeste antes de começar a festa propriamente dita. O culto ou a missa do galo já são tradições que existem no Nordeste. A missa do galo é uma celebração religiosa que acontece na noite de 24 de dezembro, às vésperas do natal. É uma tradição católica, que lembra a vigília dos pastores que foram visitar o menino Jesus na manjedoura. No Nordeste, muitas igrejas realizam a missa do galo, que é acompanhada de cânticos, orações, leituras bíblicas e encenações do nascimento de Cristo.

4. Participar de uma festa de reisado

O reisado é uma manifestação cultural e folclórica, que celebra a visita dos reis magos ao menino Jesus. É uma festa que acontece entre o natal e o dia de reis, 6 de janeiro, e que envolve música, dança, teatro e poesia. Os participantes se vestem com roupas coloridas e enfeitadas, e saem pelas ruas cantando e tocando instrumentos como o pandeiro, a sanfona, o triângulo e a zabumba. Eles também visitam as casas das pessoas, pedindo licença para entrar e abençoar o lar.

LEIA TAMBÉM:
Tesouro turístico do Nordeste ganha novas dimensões; conheça
Estados do Nordeste estão no pódio da gestão fiscal no país
Nordeste desbanca o Sul como região que mais gera emprego
Cinco personalidades do Nordeste para inspirar você em 2024

5. Curtir uma bela música nordestina

Como não poderia deixar de ser, não há festa no Nordeste sem uma bela música. E aqui na região o que não falta é música boa. Seja um forró, que é um ritmo musical típico da região, ou qualquer outra canção dançante, o que não falta é música de qualidade. Da Bahia ao Piauí, o Nordeste é repleto de artistas que sabem como ninguém animar a festa e a celebração em família.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos

Capital no Nordeste lança plano para ter 700 km de ciclovias

Uma capital no Nordeste deu um grande passo em direção a uma mobilidade mais sustentável e inclusiva. Isso porque o prefeito de Salvador, Bruno...