08 / 06 / 2024

O Nordeste Está Aqui!

InícioEconomiaCondomínio Bahia Têxtil inaugura centro comercial que pode fabricar milhões de peças...

Condomínio Bahia Têxtil inaugura centro comercial que pode fabricar milhões de peças por ano

Nesta sexta-feira (7), o setor têxtil da Bahia deu um importante passo com a inauguração do novo centro comercial do Condomínio Bahia Têxtil, localizado no bairro do Uruguai, em Salvador.

A construção que envolveu um investimento de R$ 4,5 milhões e promete fortalecer ainda mais a indústria têxtil baiana

O governador Jerônimo Rodrigues participou da cerimônia de inauguração, destacando a relevância da iniciativa para o desenvolvimento do setor. “Cada ambiente de negócios aqui é interdependente, criando um ambiente perfeito para o crescimento. Este centro acolhe produtores de arte em tecido que não possuem os recursos necessários para finalização dos produtos, oferecendo suporte essencial”, afirmou Rodrigues, enfatizando o papel social do empreendimento.

- Continua depois da publicidade -
 Condomínio Bahia Têxtil lFoto Joá SouzaGOVBA
Condomínio Bahia Têxtil lFoto Joá SouzaGOVBA

O pólo fabril do condomínio abriga 24 empresas que produzem cerca de 4 milhões de peças anualmente, gerando um movimento econômico de aproximadamente R$ 180 milhões. Com a construção do novo centro comercial, que inclui 22 lojas, espera-se a criação de 200 empregos e um incremento de R$ 100 milhões no segundo semestre de 2024.

Rodrigo Costa, empresário paulista com fábrica e loja no local, elogiou o projeto: “Unir produção e comércio em um único lugar é uma ideia extraordinária. Produzimos nossas peças e as vendemos praticamente ao lado da fábrica. Já estamos vendo os resultados, com grande interesse do público”, comemorou Costa.

 Condomínio Bahia Têxtil lFoto Joá SouzaGOVBA
Condomínio Bahia Têxtil lFoto Joá SouzaGOVBA

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Ângelo Almeida, destacou os impactos positivos dessa expansão para a região: “O pólo têxtil do Uruguai é pioneiro, combinando tecnologia e ciência ao setor produtivo local. Este projeto não só cria empregos, mas também traz inovação e novas oportunidades de crescimento para o setor”, disse Almeida.

O condomínio, operando há mais de 20 anos, é fruto de uma parceria entre o Governo do Estado, a Prefeitura de Salvador e empresários do setor. Atualmente, o complexo gera 800 empregos diretos e 4 mil indiretos, com 90% dos trabalhadores residentes na região.

Hari Hartmann, presidente do Sindicato da Indústria de Vestuário da Bahia (Sindvest), ressaltou a importância do novo empreendimento: “Este espaço atende não só aos negócios do condomínio, mas também à comunidade local, permitindo que pequenas indústrias familiares utilizem as instalações para finalizar seus produtos e comercializá-los em lojas de qualidade”, explicou Hartmann.

LEIA TAMBÉM:
Pernambuco recebe R$ 235 milhões em investimentos que vão gerar 2,8 mil empregos
Cinco coisas que tornam o Nordeste o ‘top’ do meio ambiente
Cidade do Nordeste surpreende em ranking de menor desperdício de água

Com uma área total de 20 mil metros quadrados, o complexo abriga tanto as unidades fabris quanto o centro de lojas. A Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) pavimentou as ruas internas, facilitando o trânsito dentro do condomínio.

Em 2022, foi inaugurado um núcleo de alta tecnologia, abrigando as sedes do APL e do Sindvest. Além disso, um centro de formação de mão-de-obra e um espaço de coworking, equipado com máquinas de costura de alta complexidade, foram implantados para qualificar os moradores da região e promover o uso compartilhado das ferramentas.

Siga-nos no Instagram @portalne9!
Participe do nosso grupo no Telegram!
Participe do nosso grupo no WhatsApp!

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -

Concursos e Empregos